Doular é amar, é doar e acompanhar.

sexta-feira, 18 de junho de 2010

Felipe outubro/2008

Essa foi uma doulagem carregada de emoção. Elaine, minha filha, em sua primeira gestação decidiu ter parto domiciliar. A gestação percorreu sob a supervisão da Silvéria, a enfermeira/parteira, e o parto também contou com a presença do Pedro, pai, Silmara e Andressa, filhas da Silvéria. Formamos uma egrégora de amor e dedicação para a chegada do Felipe. Choravamos de emoção e também de alegria ao vê-lo chorar, fazer coco e xixi tudo ao mesmo tempo. Apgar 10!

Nenhum comentário:

Postar um comentário